bicycle

Sobre as Crenças

Autor
Margarida Farias
Data
29 Abril 2017

O cérebro adora certeza e clareza absoluta nos objetivos que traçamos. Eis porque é importante termos alguém ao nosso lado, idóneo e competente, para nos ajudar a decifrar as nossas crenças, perspetivar a vida e a alcançar o nosso potencial mais grandioso.

"Não tens de ser grande para começar mas tens de começar para te tornares grande." Não temos que estar dependentes da permissão dos outros para avançarmos para o próximo nível. Não temos que estar dependentes da sua compreensão e apoio. Não temos que dar explicações nem precisar que acreditem em nós. Temos sim que ouvir o nosso eu mais intimo, acreditar em nós, avançar e fazer as coisas acontecerem.

Muitos de nós sentimos que algo nos retrai e nos trava, sabemos que somos melhores do que os resultados que alcançamos… Quando isto acontece é sinal que temos crenças negativas acerca do nosso valor próprio, do nosso merecimento e capacidades, e isso tem de ser mudado.

Crenças são ideias, sentimentos, perceções que aprendemos a aceitar como verdadeiras e que se instalaram no nosso subconsciente durante os primeiros anos de vida. Fisiologicamente são ligações entre neurónios que são reforçadas ao longo do tempo, criando padrões de pensamentos e modos de agir.

 

A Física Quântica diz-nos que tudo começa em nós, e que o exterior é um reflexo do nosso interior, e que a mudança faz-se de dentro para fora. Então quando há algum acontecimento ou circunstancia que preferíamos que não nos estivesse a acontecer o que temos que nos perguntar é: o que é que eu tenho que acreditar (a nível subconsciente) que é verdade para que esta circunstancia se esteja a manifestar na minha vida? É através da expansão da consciência que evoluímos e podemos mudar a nossa vida e as nossas circunstâncias.

Trabalhar as crenças é trabalharmo-nos a nós. É perceber porque é que as coisas não estão a funcionar quer em termos do trabalho, dos relacionamentos, da parte financeira, etc. e criar crenças mais positivas e afirmativas do que queremos. O cérebro adora certeza e clareza absoluta nos objetivos que traçamos. Eis porque é importante termos alguém ao nosso lado, idóneo e competente, para nos ajudar a decifrar as nossas crenças, perspetivar a vida e a alcançar o nosso potencial mais grandioso.

Trabalhar as nossas crenças ajuda a ganhar clareza mental. Dá um nível de foco, compreensão, confiança e direção no caminho a seguir. Destina-se a toda a gente independentemente da situação e circunstâncias da sua vida. É um processo fundamental para quem tem ambições altas na vida, quem tem uma missão, um prepósito, um objetivo, e quer experienciar qualidade de vida todos os dias, quer sentir-se vivo, criativo, com garra, ligar-se aos outros e sentir que contribui.

 

Às vezes não percebemos porque fazemos as coisas que fazemos. Às vezes estamos viciados na maneira de pensar os vários assuntos. Quando se trabalham as crenças ajuda-nos a perceber porque se faz o que se faz, onde estamos a tentar ir e o que realmente é importante na nossa vida. As perguntas que fazemos determinam as respostas que obtemos. Às vezes perguntas diferentes e um pouco provocatórias ajudam-nos a ter insights e a mostrar incongruências existentes na nossa maneira de pensar e atitudes. Às vezes é fácil estarmos motivados, às vezes é fácil darmos o nosso melhor, às vezes é fácil sermos boas pessoas, e outras vezes não. Às vezes precisamos de alguém que nos ajude a manter a coerência e alinhados com o nosso desejo maior. Quem quer alterar situações e circunstancias da sua vida, tem que ter a intensão positiva de ser e agir, de forma mais coerente com aquilo que é melhor para si.

 

Muitas vezes precisamos de alguém que nos mostre, impulsione e empurre para o próximo patamar da vida. Quando trabalhamos as crenças aprendemos a desafiar os pensamentos limitadores, tomamos consciência de como nos distraímos e nos desviamos dos objetivos traçados. Vai ser desafiado a pensar melhor e maior, e a fazer mais e melhor. Desafiam-se pessoas que já são boas a serem melhor. Respondem-se a perguntas: que tipo de pensamento tenho de ter para conquistar o que quero? Que rotinas instalar para haver sucesso? Como vencer o medo de avançar na vida?
Para alcançarmos coisas extraordinárias é necessário ter um mind-set positivo, isto é um sentimento positivo sobre as nossas capacidades e ao mesmo tempo desenvolver hábitos, praticas, rotinas, desenvolver competências que alimentem e alavanquem o nosso potencial de manifestação.

 

Para mudar a vida temos de estar dispostos a fazer o que é necessário (sair da zona de conforto) para alcançar o que queremos. Viver uma vida extraordinária não é ausência de dificuldades, imprevistos e desafios, mas é viver de forma mais intencional, e irmos dizendo ao longo do percurso, com orgulho: EU DEI O MEU MELHOR! EU CONSEGUI!

Additional Info

  • Autor Margarida Farias
  • Data 29 Abril 2017
  • Resumo

    O cérebro adora certeza e clareza absoluta nos objetivos que traçamos. Eis porque é importante termos alguém ao nosso lado, idóneo e competente, para nos ajudar a decifrar as nossas crenças, perspetivar a vida e a alcançar o nosso potencial mais grandioso.

windmill